DIA MUNDIAL DO ROCK

11 de julho de 2016 | Sem categoria

 

Você sabe como surgiu o Dia Mundial do Rock? Se você pensa que a data comemorativa existe desde os primórdios do Rock and Roll, na década de 50, está enganado.

6359151115388457571869158889_rock-n-roll

A HISTÓRIA

Em novembro de 1984, o músico irlandês Bob Geldof assistia a uma reportagem da BBC sobre a fome da Etiópia. Bob decidiu que não podia ficar parado diante de tamanha miséria, e procurou alguns amigos (Midge Ure, Bono Vox, The Edge, Boy George e Paul McCartney). Do encontro nasceu a música “Do They Know It’s Christmas?”.

No mesmo ano, antes do Natal, a canção foi gravada por um grupo criado por Bob e batizado de ‘Band Aid’, com músicos de grande competência na música pop e rock britânico, tendo se tornado o single mais vendido da história do Reino Unido.

A arrecadação foi grande, mas não deixou Bob Geldof satisfeito. Bob então criou e organizou o Festival ‘Live Aid’, onde tocou com os ‘Rats’ em um corncerto de caridade. O resultado foi uma volume majestoso de dinheiro, que permitiu a Bob Geldof viajar pelo mundo e expor sua luta contra a fome e miséria na Etiópia.

Bob também ficou conhecido por organizar o ‘Live 8′, uma série de shows simultâneos nos países do G8. O evento, que contou com mais de mil músicos e foi transmitido por mais de 150 canais de TV e cerca de 1500 emissoras de rádio, chamou a atenção das autoridades para que fossem perdoada a dívida externa dos países pobres, principalmente das nações africanas.

13175503714537 - DIA MUNDIAL DO ROCK

O primeiro Live Aid aconteceu no dia 13 de julho de 1985, que aconteceu simultaneamente na Filadélfia (EUA) e em Londres (Inglaterra) e trouxe nomes como Black Sabbath (com Ozzy), Status Quo, INXS, Loudness, Mick Jagger, David Bowie, Dire Straits, Queen, Judas Priest, Bob Dylan, Duran Duran, Santana, The Who, Led Zeppelin, BB Kin, Mick Jagger, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Eric Clapton, Tina Turner,  The Pretenders, The Four Tops, Lionel Ritchie, Phil Collins entre muitos outros. Aliás, Phil Collins abriu o show nos EUA e na sequência, voou para Londres para fechar o festival.

O show foi transmito ao vivo pela BBC, alcançando mais ou menos 2 bilhões de espectadores em 14o países, o show de 16 horas rendeu 100 milhões de dólares destinados ao povo africano.

O Live Aid,  tocou os corações de muitas pessoas neste mundo, grandes nomes do rock unidos por uma boa causa. Com certeza este foi um dos momentos mais marcantes na história no ROCK.

DIA MUNDIAL DO ROCK COMEMORADO APENAS NO BRASIL?

Você sabia que, curiosamente, essa data não tem nada de “mundial”, já que ela é comemorada — até onde se sabe — apenas aqui no Brasil?

Pois é, o Dia Mundial do Rock só é lembrado no nosso país e, segundo diversas fontes, a data comemorativa teve origem graças ao icônico megaconcerto beneficente Live Aid que aconteceu no dia 13 de julho de 1985.

Parece que a ideia de criar o Dia Mundial do Rock foi sugerida por Phil Collins — que inclusive viajou da Inglaterra para os Estados Unidos para participar dos dois concertos — durante o Live Aid, mas ele não foi levado muito a sério.

No entanto, segundo Emanuel Seagal do portal Whiplash, Kid Vinil explicou em uma matéria que duas rádios paulistanas dedicadas ao Rock — a 89 FM e a 97 FM — ficaram muito impressionadas com o megaconcertona época. Assim, elas decidiram dar ouvidos a Phil Collins e, a partir de então, passaram a celebrar a data anualmente.

De qualquer forma, apesar de o Dia Mundial do Rock ser comemorado só aqui no nosso país, a data não deixa de ser uma excelente desculpa para você ouvir a sua banda favorita! Ou, ainda, para você relembrar alguns dos melhores momentos do Live Aid, o megaconcerto que deu origem à esta curiosa — e carinhosa — homenagem brasileira.

Fontes: Mega Curioso e O Imparcial

Deixe um comentário

*Preencha o campo corretamente